Início » Primeira etapa de testes entre servidores de Bauru tem mais de 12% de positivos

Primeira etapa de testes entre servidores de Bauru tem mais de 12% de positivos

por Casimiro
0 comentário
mulher no carro fazendo teste para coronavirus

289 servidores tiveram contato com o coronavírus

A Secretaria de Saúde finalizou a aplicação de 2.350 testes rápidos em servidores municipais nesta quarta-feira (9).

A primeira etapa foi finalizada totalizando 12,2% (289) de funcionários com resultados positivos.

Os resultados também apontaram que 7,4% (176) deles são ativos para a doença e 4,3% (103) já não apresentam mais risco de transmissão.

Desde 21 de agosto, 3.945 testes já foram aplicados como forma de combate à pandemia. O cronograma de testagens continua na próxima semana com servidores da Secretaria Municipal de Saúde e em seguida DAE e Emdurb.

O município de Bauru até então soma 8.212 casos diagnosticados e 156 mortes decorrentes da Covid-19. Mesmo assim a cidade permanece na fase de flexibilização do Plano São Paulo.

A fase amarela permite a reabertura de serviços não essenciais como salões de beleza, bares e restaurantes, com horários e público reduzidos.

Para a detecção do coronavírus no geral, três testes estão sendo utilizados. Cada um deles com suas particularidades.

O RT-PCT é o padrão para diagnóstico, uma vez que detecta a presença do vírus por meio da transformação do RNA.

A amostra é coletada por raspagem no nariz ou garganta. Esse exame necessita de solicitação médica, é indicado a partir do terceiro dia de sintomas e o resultado pode ser obtido entre 24 e 48 horas.

O uso do exame de sorologia detecta anticorpos de combate ao vírus no sangue. Também necessitando de solicitação médica, ele é feito por meio de coleta de amostra sanguínea.

A recomendação para maior precisão dos resultados é que a amostra seja coletada após pelo menos 10 dias do início dos sintomas.

Por isso, caso o exame seja realizado fora do período indicado pode ser que o resultado seja um falso negativo.

O mesmo pode ocorrer àqueles que apresentaram sintomas leves do vírus, pois, dessa forma não chegaram a desenvolver anticorpos.

Os testes rápidos (IgM/IgG) geralmente utilizam soro, sangue ou plasma. Eles são de uso profissional, uma vez que apenas um será capaz de interpretar os resultados.

A indicação para esse tipo de teste é que ele seja realizado a partir de pelo menos 8 dias depois do início dos sintomas. Os resultados costumam aparecer entre 10 a 30 minutos.

O teste rápido não tem função diagnóstica e sim indica o contato recente com o vírus. Ele também pode indicar o processo de recuperação da doença, pois atua indicando a presença de anticorpos.

Deixar comentário

logo_bauru

Nós nos consideramos um meio de comunicação social que concorda em beneficiar e colaborar com a cidade de bauru com a veiculação de noticias relacionadas a ela e seus moradores.

CONTATO

Email:
contato@bauru.com.br

2022 © Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por SmokyDev