O Dia da Árvore é comemorada no dia 21 de setembro

Uma parceria entre Polícia Ambiental, Corpo de Bombeiros e Secretaria do Meio Ambiente (Semma) realizaram uma cerimônia para comemorar o Dia da Árvore.

A comemoração ocorreu no último dia 21 de setembro no Horto Florestal. Além do plantio de ipês, houve também o plantio de mudas na calçada.

O plantio de mudas na calçada da Regional São Geraldo em frente ao Residencial San Sebastian, na Rua São Sebastião, também fez parte da solenidade.

Para o evento estiveram prestes o secretário do Meio Ambiente, a diretora da Cetesb de Bauru Flávia Vasconcelos e servidores da Semma.

O Coronel Airton Martinez e o Tenente Coronel Serpa do 4º Batalhão do Policiamento do Interior 4  também marcaram presença no local.

Assim como o Major PM Marques,  o Tenente PM Cristiane, e o Major Goes Júnior do Bombeiro.

A data no Brasil

De acordo com o site Toda Matéria, o Dia da Árvore é comemorado no dia 21 de setembro já que a data antecede o início da estação primavera no hemisfério sul.

De acordo com o site Mundo Educação, o Brasil a Mata Atlântica perdeu aproximadamente 93% da cobertura vegetal, resultando na área mais ameaçada do planeta.

Considerando esses dados alarmantes, vale dizer que a escolha de uma data para comemorar o dia da árvore é fundamental para a conscientização da importância desses organismos.

A data surgiu em meados do século XIX, precisamente no dia 10 de abril de 1872. Neste dia o político e jornalista Julius Sterling Morton plantou diversas árvores em Nebraska, nos Estados Unidos.

Desde então o desmatamento já começava a deixar marcas de destruição para o ecossistema das florestas.

Dessa forma, diversos países aderiram à data de acordo com a proximidade da primavera em seus respectivos hemisférios.

Durante a data no Brasil as escolas costumam promover atividades voltadas ao meio ambiente, como desenhos e pinturas ou até o plantio de mudas.

Ainda é importante reforçar as inúmeras qualidades desses seres vivos. Apenas algumas delas são:

  • Filtragem da poluição do ar;
  • Abrigo e alimento para animais e fungos;
  • Contribuição para a biodiversidade;
  • Fornecimento de substâncias para produção de remédios e cosméticos;
  • Equilíbrio do ecossistema;
  • Diminuição da temperatura.

Algumas das árvores de mais destaque no país são: castanheira, carnaúba, ipê amarelo, pau-brasil e araucária.

Nesta data é importante nos lembrarmos do quanto dependemos desses organismos para sobreviver e em quanto nossos atos podem impactar sua existência.